[...]
Prende-me Liberdade!
Eleva-me ao mais alto dos céus,
Coloca-me no extremo de um arco-celeste,
Despe-te dos teus véus.
[...]
Marlene
http://www.luso-poemas.net/

4 comentários:

Javier Diéguez López disse...

Orixinal idea para a fotografía. Gustame. Un abrazo dende Galicia.
Un saudo.

mfc disse...

Gostei da imagem... e da legenda!

Anónimo disse...

gostei de suas fotos...
comecarei a acompanhar seu trabalho!

parabens
Glauber Jose

Homem de Campos disse...

A fantástica imagem acompanhada de um poema brilhante, intenso. Parabéns!